+351 937 951 720 dietistasonia@gmail.com

 

 

 

Está calor e o que nos apetece nesta altura do ano são mesmo alimentos frescos e que nos hidratem. Até tenho pacientes que me costumam dizer “só consigo comer salada no verão e legumes cozidos no inverno”. Não tem de ser assim e não sei qual a sua opinião, mas eu gosto de ir variando e existem legumes que ficam ótimos grelhados ou salteados e que não associo ao inverno e ao frio. Compreendo, que saibam melhor as saladas nesta altura e eu também gosto! São frescas, saciantes e permitem uma combinação infindável de junções.

 

Pode e deve compor a sua salada com vários ingredientes, mas será que sabe quais os ingredientes que não deve colocar ou abusar! Comer salada nem sempre é sinónimo de comer saudável. Imagine a seguinte salada – alface, rúcula, frango, ovo, grão, azeite, abacate, nozes e sementes! Parece-lhe bem? A mim visualmente sim, vai ficar cheia de cor e sabores, mas…. E nutricionalmente?! Vejamos tem duas verduras (alface e rúcula) quando metade do prato ou mais deveria ser de vegetais; tem 3 fontes proteicas (frango, ovo, grão) – não precisa de tanta proteína e tem 4 fontes de gordura! Sim 4! Se pensar que a gordura é o nutriente que nos fornece mais kcal por 1g (fornece 9kcal), vai ingerir muitas muitas calorias e depois ainda temos tendência para adicionar o molho! Não quero desanima-la, mas são calorias a mais para uma refeição que supostamente é saudável.

 

 

Lembre-se deve colocar metade do prato de vegetais, 1 a 2 fontes proteicas e 1 a 2 fontes de gordura. E ter muita atenção aos ingredientes que a seguir lhe indico! São capazes de arruinar a sua salada saudável.

 

Vamos ver quais são?!

– Molhos – são geralmente ricos em gordura e sal e pouco acrescentam a nível de qualidade nutricional. Para ter noção 1 colher de sopa de azeite (10g) possui 90kcal, e quando colocamos “um fio” estamos a colocar muito mais que uma colher de sopa. Os molhos industrializados possuem ainda imensos aditivos e conservantes. Prefira temperar com limão, vinagre de vinho, maça, frutos vermelhos que conferem acidez, sabor e não acrescentam calorias ou ainda por molhos com elevado teor de água como o vinagrete ou molho de iogurte.

– Pão e tostas/croutons – se o prato já tiver hidratos, como massa, quinoa, bulgur… não precisa de acrescentar pão ou tostas, pois estará a acrescentar calorias! Os croutons são geralmente feitos com farinha de trigo branca (desprovida de fibra) e só vão acrescentar valor calórico à salada. 1 mão de croutons tem cerca de 110kcal.

– Queijo – quem não gosta de uma salada com queijo por cima! A questão é que vamos estar a acrescentar proteína (se já tiver outra fonte como carne ou ovo…) e muita gordura! Três colheres de sopa de queijo ralado vão acrescentar 150 calorias e 15g de gordura à salada. Opte por queijos brancos e menos gordos, como queijo fresco, ricota, cottage, quark, requeijão…

– Frutas secas – a uva passa, damascos, arandos, tâmaras… são muito ricas em açúcar, pois através do processo de secagem foi-lhes retirada a água. Uma porção destes frutos (30g) possuem cerca de 90kcal.

 

 

Agora que já sabe quais são os ingredientes a evitar ou a não abusar tenho a certeza que as suas saladas vão ficar ainda mais saudáveis e saborosas.

 

 

Dicas de uma Dietista. Sabor com saúde.

Para mais informações/marcação de consulta

Email – dietistasonia@gmail.com/ Tel. 937951720

 

 

Abrir Conversa
Posso ajudá-la?
Olá!
Estou aqui para ajudá-la!