Como sobreviver aos jantares de Natal?!

Como sobreviver aos jantares de Natal?!

Dezembro é um mês de muuiittooosss jantares!! São jantares da empresa, dos colegas da antiga empresa, dos colegas de faculdade, dos amigos mais chegados, do ginásio ou outras atividades em que estejam envolvidos… ufa… são mesmo muitos jantares num só mês. Podemos e devemos ir a todos os jantares que tivermos marcados e que nos apetecer, mas não devemos descurar a nossa alimentação. O pensamento não é “Vou comer agora tudo durante este mês, já que tenho tantas ocasiões, e depois em Janeiro compenso”. Não, não!! Temos de saber fazer escolhas, equilibrar a nossa semana, continuar a treinar/fazer exercício físico e compensar os excessos cometidos!

 

Coloque em prática estas dicas e desfrute dos jantares de Natal e desta quadra festiva sem sentimentos de culpa

Faça várias refeições durante o dia – é comum as pessoas pensarem – Vou ter logo um jantar por isso não vou comer nada durante o dia. Não! Devemos comer durante o dia em intervalos de 3h para não ficarmos com muita fome para o jantar. Aposte em alimentos saciantes – iogurtes, queijos magros, legumes, frutos oleaginosos, ovos…

Não vá para o jantar com fome! – coma sempre algo antes de sair de casa ou leve consigo na mala. Assim evita de chegar ao local com muita fome e de “atacar” logo o pão com manteiga das entradas. As minhas opções são palitos de cenoura, ovo cozido ou uma sopa de legumes;

Não coma tudo o que estiver disponívelsó porque sim – A maior parte dos jnatares são em restaurantes com opção buffet em que existem muuitaas opções e nós ficamos radiantes com tanta comida e queremos provar um bocadinho de tudo. Mas não vão fazê-lo. Primeiro vão olhar para tudo o que existe, selecionar mentalmente as melhores opções e só depois se servem das opções que escolheram;

Abuse dos legumes e verduras – se ocuparem metade do prato com verduras ou legumes de certeza que comerão menos do prato em si que geralmente são calóricos;

Não repita – quantos de nós já não repetimos um prato só porque nos estava a saber bem e não porque tinhamos fome? Pois é comer um bocado é uma coisa, exagerar é outra e é na repetição que ingerimos calorias a mais;

Divida a sobremesa – uma boa forma de comermos sobremesa, mas não ingerirmos um grande valor calórico é dividir a mesma. Devemos comê-la devagar, para saborear cada garfada e ficarmos satisfeitos sem precisarmos de uma dose maior;

Cuidado com as bebidas alcoólicas –  o álcool por vezes é de onde provêm a maioria das calorias de um jantar. Um copo de vinho até tem benefícios antioxidantes e tem 83 calorias, mas uma vodka pode ter até 231 calorias, uma caipirinha 371 e um gin 263, agora imagina isto multiplicado por vários, para além de todo o açúcar que contém;

Sente-se ao lado da pessoa mais saudável da festa – por associação irá comer de forma mais equilibrada 🙂

Aposte no ginásio/exercício físico – Dezembro é um mês em que muitos desistem do treino, mas deveria ser ao contrário. Deveriam intensificar os treinos para acelerar o metabolismo e sentirem-se melhores.

Volte a sua rotina – no dia a seguir ao jantar deve voltar ao seu plano alimentar habitual, reduzindo as porções que come e por exemplo, fazendo um jantar só de sopa.

Aproveite – é um momento para estar descontraído, feliz, bem-disposto com as pesssoas que o rodeiam e sem sentimentos de culpa. Cumpra os pontos anteriores e verá que chegará a 1 de janeiro com o mesmo peso.

 

Vamos ser saudáveis e não pensar “perdido por cem, perdido por mil”. Uma alimentação saudável deve ser mantida todo o ano e pressupõe que socializemos. Só temos que saber fazer escolhas equilibradas 🙂

 

Dicas de uma Dietista. Sabor com saúde.

Para mais informações/marcação de consulta

Email – dietistasonia@gmail.com/ Tel. 937951720



Deixar uma resposta